Tempo ajudou e lançamento da Demo-2 ocorreu exatamente como esperado. Crew Dragon deve se acoplar à Estação Espacial Internacional neste domingo

A SpaceX se tornou neste sábado (30) a primeira empresa comercial a colocar humanos em órbita. A missão Demo-2 decolou de Cabo Canaveral, na Flórida, às 16h22 rumo à Estação Espacial Internacional.

O lançamento ocorreu exatamente como programado, incluindo o pouso do primeiro estágio do foguete Falcon 9 na balsa robótica “Of Course I Still Love You”. A previsão do tempo indicava apenas 50% de chances de clima favorável ao lançamento, mas as nuvens deram uma trégua cerca de 20 minutos antes da decolagem.

Assim como na última quarta-feira (27) os astronautas Bob Behnken e Doug Hurley foram até a histórica plataforma de lançamento 39A, a mesma usada para lançar a Apollo 11 rumo à Lua em 1969, a bordo de dois Tesla Model X brancos. Nos 20 minutos da viagem ouviram Back in Black, do AC/DC, Garota de Ipanema, de Tom Jobim, e o Hino Nacional norte-americano.

Reprodução
Dinossauro de brinquedo levado por Bob Behnken flutua em frente às câmeras. Fonte: SpaceX

Por precaução devido à pandemia de Covid-19 poucas pessoas estiveram presentes, com a Nasa recomendando que o público assista ao lançamento de casa e a imprensa reduza o número de sua equipe e mantenha o distanciamento social recomendado de 2 metros entre as pessoas, inclusive entre repórteres e entrevistados.

Ainda assim, durante o trajeto até a plataforma foi possível ver várias pessoas ao lado da estrada, acenando para os carros com os astronautas e tirando fotos.

A próxima etapa da missão é a chegada dos astronautas à Estação Espacial Internacional, algo que deve acontecer 19 horas depois do lançamento, neste domingo. A duração da Demo-2 ainda não foi definida pela Nasa, mas será de ao menos 30, e no máximo 120 dias.